Portal de Notícias Jornal Aviação
Tecnologia

Aeroporto de São Luís terá infraestrutura preparada para o 5G

As operadoras de rede móvel poderão oferecer um serviço de acesso à internet ainda mais rápido.

A instalação da infraestrutura apropriada para a tecnologia 5G está em fase de conclusão no Aeroporto Internacional de São Luís. Com isso, as operadoras de rede móvel poderão oferecer um serviço de acesso à internet ainda mais rápido.

O serviço é executado pela IHS Brasil, subsidiária da IHS Towers, uma das maiores desenvolvedoras independentes de infraestrutura compartilhada de comunicações do mundo. A meta é levar ao aeroporto o Sistemas de Antenas Distribuídas (DAS) planejados, instalados e operados para serem usados pelas operadoras de rede móvel.

“Um dos primeiros passos da CCR Aeroportos, ao assumir a administração dos seus aeroportos, em março de 2022, foi ampliar em 10 vezes a velocidade de acesso à internet gratuita por meio de Wi-Fi. Melhorar ainda mais a infraestrutura de telecomunicações é uma inovação essencial para aumentar a conectividade e a qualidade desse serviço, promovendo mais conforto e as melhores experiências aos nossos passageiros”, afirma Monique Henriques, Gerente Executiva de Varejo da CCR Aeroportos.

Os DAS (do inglês, Distributed Antennas Systems) são utilizados para conectividade em grandes ambientes internos e algumas áreas externas de aeroportos, estações e túneis de metrô, shoppings centers, indústrias, centros hospitalares e prédios corporativos, onde existem barreiras para a propagação do sinal de celular, como paredes de concreto e estruturas metálicas.

Um conjunto de antenas internas posicionadas de maneira estratégica e conectadas por fibra ótica ,com conexão em qualquer ponto, permite ampliar e melhorar a cobertura em todos os espaços, incluindo os pontos de sombra, como túneis e subsolos, consumindo menos energia ao ter sua potência definida na medida ideal para cada ambiente.

Além disso, as antenas servem muito bem para a emissão do sinal 5G, contribuindo para que se atinja sua máxima velocidade e baixa latência.